domingo, 29 de março de 2009

INQUISIÇÃO EVANGÉLICA

A INQUISIÇÃO EVANGÉLICA


"conhecereis a verdade e a verdade vos livrará". (Jo 8,32)


Vale a pena lembrar aqui, que também os evangélicos (protestantes) fizeram uma inquisição. João Calvino para implantar o protestantismo, a seu modo, em Genebra, Suíça, em 15/8/1553 mandou o líder católico Miguel Servet e mais cinqüenta para a fogueira.

Ao organizar a Igreja, Calvino (foi quem iniciou a denominação “presbiteriana”) instituiu duas comissões: a “Venerável Companhia”, dos pastores e doutores, encarregada do magistério; e o “Consistório”, composto de pregadores e 12 senadores leigos, que tinha a tarefa de zelar pela disciplina, à semelhança da Inquisição medieval. Esta comissão visitava as casas, servia-se de denúncias e espionagem paga; os réus gravemente culpados, se persistissem no erro, eram entregues a um tribunal. Este proferiu, de 1541 a 1546, 58 sentenças de morte; a tortura era aplicada com freqüência.

(Em 1620 chegaram em Plymouth (EUA), lá, encontraram outros grupos não-conformistas refugiados (presbiteriano, batistas...) com os quais entraram em rivalidade. No estado de Massachusetts, os congregacionalistas se tornaram Igreja estatal ou oficial até 1833; nesse ínterim, perseguiram os demais reformados. Na Inglaterra haviam-se oposto à idéia de uma Igreja de Estado e, por isso haviam sido perseguidos; na América porém faziam o mesmo papel que eles haviam repudiado na Europa!).


••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••


Católicos massacrados por evangélicos holandeses no RN

(Inquisição Evangélica no Brasil)

Em 16 de junho de 1645, o pe. André de Soveral e outros 70 fiéis foram cruelmente mortos por mais de 200 soldados holandeses e índios potiguares. Os fiéis participavam da missa dominical, na capela de Nossa Senhora das Cadeias, no Engenho Cunhaú - no município de Canguaretama, localizado na zona agreste do Rio Grande do Norte.

Por seguirem a religião católica, tiveram que pagar com a própria vida o preço da fé , por causa da intolerância calvinista dos invasores. Três meses depois, aconteceu outro martírio, onde 80 pessoas foram mortas por holandeses protestantes. Este morticínio aconteceu na comunidade Urucu, em São Gonçalo do Amarante - a 18 km de Natal, litoral do RN.

Inquisição Evangélica no Brasil (como aconteceu)

No domingo, 16 de julho, aproveitando a presença de um grande número de colonos na igreja para a missa dominical celebrada pelo pároco pe. André Soveral, Jacó Rabe mandou afixar, nas portas da Igreja, um edital, convocando a todos para ouvirem as Ordens do Supremo Conselho, que seriam dadas após a missa.

Muitos compareceram, mas uma chuva torrencial, providencialmente caída naquela manhã, impediu que o numero fosse maior. Chegou a hora da missa. Os fiéis, em grupos familiares e amigos, se dirigiram à igrejinha de Nossa Senhora das Candeias. Levados apenas pela vontade de cumprir o preceito religioso, evidentemente não portavam armas, proibidas pelas autoridades holandesas, mas só alguns bastões que encostaram nas paredes do pórtico.
O pe. André iniciou a celebração.

Após a elevação da hóstia e cálice, a um sinal Jacó Rabe, foram fechadas todas as portas da igreja e começou a matança. Foram cenas de grande atrocidade: os fiéis em oração, tomados de surpresa e completamente indefesos, foram covardemente atacados com a ajuda dos tapuias e potiguares. Ao perceber que iam ser sacrificados, os fiéis não se rebelaram. Ao contrário, "entre mortais ânsias se confessaram ao sumo sacerdote Jesus Cristo Senhor Nosso, pedindo-lhe cada qual, com grande contradição, o perdão de sua culpa", enquanto o pe. André "exortava-os a bem morrer, rezando apressadamente o oficio da agonia".

O morticínio em Uruaçu (Inquisição Evangélica no Brasil)

"A etapa seguinte de Jacó Rabe foi Potengi, onde 70 moradores estavam refugiados numa cerca de pau-a-pique. Acreditava ele se tratar fácil pois os moradores não tinham como resistir por longo tempo e logo se entregariam. Eles, porém, resistiram heroicamente com as poucas armas à sua disposição: 17 armas de fogo, algumas espingardas, dardos, mosquetes, espadas, e pau tostados....". "Os que não morreram, tentaram resistir... O comandante dos holandeses mandou que se despissem e se ajoelhassem enquanto o pastor calvinista suplicou -lhes que abjurassem a fé católica. A um sinal dado, os índios, que estavam emboscados, saíram do mato e cercaram os indefesos colonos".

Teve inicio, então a carnificina, descrita com impressionante realismo pelos cronistas portugueses. Nas descrições, nota-se claramente o contraste entre a crueldade e a violência dos algozes e a resignação e o perdão das vítimas: "Começaram a dar atrozes tormentos aos homens, e tão desunamos, que já muitos dos que padeciam, tomavam por mercê a morte; mas usaram os holandeses da última crueldade, dilatando a pena, e depois de cansados de darem tão aspérrimos tormentos aos homens, os entregaram aos tapuis e potiguares, que ainda vivos os foram fazendo em pedaços, e nos corpos fizeram tais anatomias que são incríveis; arrancando a uns os olhos e tirando a outros as línguas e cortando as partes verendas e metendo-lhas nas bocas (...)" (Santiago).

Mateus Moreira, um dos mártires, é citado por três cronistas, embora com uma divergência de nome, Mateus ou Matias. A descrição de sua morte é o ponto mais expressivo de toda a narrativa e Uruaçu e constitui um dos mais belos testemunhos de fé na Eucaristia, confessada na hora do martírio. Os algozes arrancaram-lhe o coração pelas costas e ele morreu exclamando: "Louvado seja o Santíssimo Sacramento".

Fonte: P.I.M.E.

••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••


INQUISIÇÃO EVANGÉLICA (continuação)


Quem, proporcionalmente, não em números absolutos, matou mais gente do que a própria Revolução Francesa, foi Calvino, em Genebra.


E soldados protestantes do Imperador Carlos V invadiram e saquearam Roma, em 1527.


Isso sem contar o massacre de Passy, as atrocidades que eles cometeram na Inglaterra, nos Reinados de Henrique VIII e de Isabel, a Rainha "Virgem" com 11 amantes, no tempo de Comwell, etc. Mesmo na Revolução Francesa, os protestantes apoiaram as leis contra a Igreja Católica, que acabaram por levar centenas de milhares de católicos a morte na guilhotina, por fuzilamento e outros meios terríveis.

Fonte: Montfort


•••••••
•••••••••••••••••••••••••••••••••••


INQUISIÇÃO EVANGÉLICA (continuação)

No ano 1670, na Suécia, houve um processo deplorável: Como conseqüência das declarações, arrancadas pelas interrogações feitas pelos teólogos protestantes, foram queimadas 70 mulheres, açoitadas mais 56, queimadas 15 crianças que já tinham chegado aos 16 anos e outras 40 foram açoitadas. (34) E pensar que são esses hoje, que acusam a Igreja de ter “matado inocentes”.

Na Alemanha protestante, o poder civil condenou Anna Maria Schwugelin. Foi decapitada como bruxa em 1759.

No dia dezoito de junho de mil setecentos e oitenta e dois, o governo protestante ainda decapitou uma bruxa na Suíça.

Em mil oitocentos e sessenta e três, segunda metade do século XIX!, o povo inglês protestante linchou um pobre velho por considerá-lo bruxo.

25 comentários:

  1. eles são sinicos adoradores de mercurio

    ResponderExcluir
  2. Amigão pode contar outra sua colocação da ate vergonha em ser um humano,os evangélicos não tem nada haver com protestantismo ,tem haver com os anabatistas que era amaioria dos cristãos que viviam longe de roma
    A inquisição catolico durou 595 anos e foi o maior massacre em massa do mundo ate hoje .
    Nenhum Cristãos se chamava Cat´lico,ate porque a maioria dos cristãos passavam longe de roma prATICAMENTE 88% DOS CRISTÃOS NEM ERAM ROMANOS....

    O protestantes foram se convertendo em evangélicos,depois da morte de Martim Lutero que tambem ameaçava os anabatistas algumas igreja s como luterana por exemplo se adaptaram a bibilia sendo que outras como a catolica continua no erro sendo o berço da idolatria .


    A igreja catolica não foi fundada por Jesus e sim por um grupo de dissidentes em conjunto com o imperador Constantino em 325.d.c ele oficializou uma religião então nao e a igreja de pedro nem aqui nem na conchochina,ate porque a IGREJA E DE jESUS nao foi Pedro que morreu por ela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A N ô N I M O - Que bela maneira de se esconder atrás de uma denominação contradizendo toda a coragem de um verdadeiro cristão. Bem, caríssimo "anônimo", vamos ao que interessa: nota-se que a fantasia da "Inquisição", cumpriu seu papel ao longo dos séculos, de iludir mentes despreparadas e fomentar o ódio contra a verdadeira Igreja de Deus. Mas como a verdadeira verdade tem de prevalecer, saiba que sérios historiadores desmentem toda essa realidade,e, lamento informá-lo, você verá que a "coisa" foi ao contrário. Você tem coragem de verificar? ofereço-lhe o link: http://henrique-viveremdeus.blogspot.com.br/2012/08/o-que-foi-inquisicao-protestante.html . Não se deixe vencer pela natural reação psicológica de defesa mental, dando apenas uma olhada por auto e fazendo uma precipitada conclusão. Leia exatamente tudo. Se precisar, ao ver que seu protestantismo é um fiasco, procure socorro na verdadeira Igreja de Deus. É lá que o Senhor verdadeiramente Reina. Boa sorte!

      Excluir
    2. Somente uma "ANTA PROTESTANTE"(que me desculpem as antas)para escrever tanta babozeira como vc "Anônimo". Protestantes ou evangélicos são todos os hereges a serviços do pai da mentira(Jo 8,44)oriundos da reforma protestante promovida pelo herege Lutero e seus comparsas, que se opõe a verdadeira Igreja fundada por Jesus Cristo e denominada CATÓLICA no final do século I.

      Excluir
    3. KKKK , Apelando para a conveniencia . Essa é típica .

      Excluir
    4. A INQUISIÇÃO PROTESTANTE

      Outro ponto que nunca se é visto é que os Protestantes também tiveram uma Inquisição totalmente submetida ao poder político da Época. Os historiadores só tem dedos para acusar a Inquisição católica guardando um silêncio hipócrita sobre o acontecido nos territorios protestantes.

      Os primeiros protestantes não diferenciaram por ser os campeões da “liberdade de opinião” como nos tem feito crer… eles que clamavam por liberdade religiosa nos países católicos nos seus territórios a primeira medida que tomavam era a suspensão total da Missa e obrigar aos cidadãos por decreto de lei a assistir obrigatoriamente os cultos reformados, a destruição de Igrejas Católicas, de imágens junto a assassinato de bispos, Sacerdotes e religiosas marcaram estes territórios muito mais do que ocorria em sua contraparte católica. Para citar somente alguns exemplos (já que todas as fontes investigadas só falmn da Inquisição Católica e nenhuma da Protestante)

      Excluir

    5. - Lembra do massacre aos monjes da Abadia de São Bernardo de Bremen cujos monges foram assassinados, espancados, esfolados e jogado sal na carne viva sendo depois enforcados no campanário por uma multidão de protestantes desordeiros no século XVI.

      - O enforcamento de seis monges da ordem dos cartuxos e do bispo de Rochester na Inglaterra Protestante em 1535.

      - A queima na fogueira de milhares de católicos e anabatistas por Henrique VIII no século XVI sendo sua filha católica Maria que acabou herdando o título de “Maria a sanguinária”

      Excluir
    6. A INQUISIÇÃO PROTESTANTE

      Outro ponto que nunca se é visto é que os Protestantes também tiveram uma Inquisição totalmente submetida ao poder político da Época. Os historiadores só tem dedos para acusar a Inquisição católica guardando um silêncio hipócrita sobre o acontecido nos territorios protestantes.

      Os primeiros protestantes não diferenciaram por ser os campeões da “liberdade de opinião” como nos tem feito crer… eles que clamavam por liberdade religiosa nos países católicos nos seus territórios a primeira medida que tomavam era a suspensão total da Missa e obrigar aos cidadãos por decreto de lei a assistir obrigatoriamente os cultos reformados, a destruição de Igrejas Católicas, de imágens junto a assassinato de bispos, Sacerdotes e religiosas marcaram estes territórios muito mais do que ocorria em sua contraparte católica. Para citar somente alguns exemplos (já que todas as fontes investigadas só falmn da Inquisição Católica e nenhuma da Protestante)

      - Lembra do massacre aos monjes da Abadia de São Bernardo de Bremen cujos monges foram assassinados, espancados, esfolados e jogado sal na carne viva sendo depois enforcados no campanário por uma multidão de protestantes desordeiros no século XVI.

      - O enforcamento de seis monges da ordem dos cartuxos e do bispo de Rochester na Inglaterra Protestante em 1535.

      - A queima na fogueira de milhares de católicos e anabatistas por Henrique VIII no século XVI sendo sua filha católica Maria que acabou herdando o título de “Maria a sanguinária”

      - A queima na fogueira de Miguel Servet, o descobridor da circulação do sangue, em Genebra pela ordem de Calvino, e só se falam do “caso Galileu” que não foi injustiçado e nem assassinado.

      -Quando Henrique VIII começou a perseguição católica na Irlanda existiam mais de 1.000 monges Dominicanos, dos quais somente DOIS sobreviveram a perseguição do rei protestante anglicano.

      - Na época da protestante Isabel cerca de 800 católicos eram assassinados por ano.

      - O historiador protestante Henrry Hallam diz : “A tortura e a execução dos Jesuitas no reinado de Isabel Tudor foi caracterizado pelo selvageria e preconceito”

      Excluir
    7. - Um ato do Parlamento Inglês decretou em 1652 que “ cada sacerdote católico deceria ser enforcado, decapitado, desmembrado e depois queimado e suas cabeças expostas em um poste de lugar público”

      - Na Alemanha Luterana os Anabatistas era cozidos em sacos e lançados em rios ( mais de 100.000 camponeses anabatistas foram assassinados de diversos modos pelos protestantes por pregarem sua interpretação da Biblia como exemplo o re-batismo e seu lider Tomaz Munzer foi decapitado por ordem de Lutero)

      - Na Escócia Presbiteriana de John Knox em um periodo de seis anos se queimaram mais de 1.000 mulheres acusadas de feitiçaria.

      - Nas cidades tomadas pelo Protestantismo, os católicos tinham que abandona-las deixando nelas todas suas posses ou se converter ao Protestantismo, se fossem descobertos celebrando a missa eram castigados com a morte.

      Afirmar que a tática da tortura foi uma arma católica da Inquisição é um mito. Janssen um escritor desta época cita um testemunho o qual diz “ o teólogo protestante Meyfart descreve a tortura que ele pessoalmente presenciou ... : Um espanhol e um Italiano foram os que sofreram esta bestialidade e brutalidade. Nos paises católicos não se condena um assassino, um incestuoso ou um adúltero a mais de uma hora de tortura, mas na Alemanha a tortura se mantêm por um dia inteiro e uma noite e até mesmo se extende por dois dias …..algumas vezes até por quatro dias e depois se começa de novo…é uma historia exata e horrível que não pude presenciar sem me estremecer”

      - O mesmo Janssen nos dá este dado “ em Augsburg no ano de 1528 cerca de 170 Anabatistas de ambos sexos foram colocados na prisão por ordem do ordem, muitos deles foram queimados vivos, outros foram marcados com ferros encandecentes na face ou suas línguas foram cortadas.

      - Em Aubsburg no dia 18 de Janeiro de 1537 o conselho municipal publicou um decreto onde se proibia o culto católico e dava-lhes 8 dias para que os católicos abandonassem a cidade, passado esse tempo foram enviados soldados para perseguir aos que não aceitaram a nova fé ; tomaram as Igrejas e monastérios, destruiram as estatuas e os altares. Frankfurt emitiu uma lei parecida e a suspensão total do culto católico se extendeu a todos os estados alemães e depois se taxa a Igreja Católica de intransigente!

      - Em 1530 nos seus comentários ao Salmo 80, Martinho Lutero aconselhava aos governos que aplicaram assim pena de morte a todos os hereges.

      - No distrito de Thorgau (Suiça) um missionário Zwingliano a frente de uma multidão protestante saqueou, massacrou e destruiu o monastério local. O mesmo Erasmo de Roterdã (historiador) se aterrorizou ao ver piedosos fiéis excitados por seus pregadores protestantes “ a sair da Igreja como possessos com a ira e a raiva pintadas no rosto, como guerreiros animados por um general” . O mesmo Eramo comenta em uma carta a Pirkheimer o seguinte “ Os ferreiros e obreiros arrancaram as pinturas das Igrejas e lançaram insultos a imágens dos santos e ate mesmo ao crucifixo o que é muito surpreendente. Não sobrou nenhuma estátua nas Igrejas nem nos monastérios... tudo o que podia arder foi jogado ao fogo e o resto reduzido a fragmentos, nada se salvou”

      - Na Zurich Protestante ordenou-se arrancar todas as imágens religiosas, reliquias e adornos das Igrejas e até o órgão foi desterrado, a catedral ficou desnuda como está até hoje. Os católicos foram impedidos de ocupar cargos públicos, assistir a Missa era castigado com uma multa na primeira vez e castidado com penas mas severas aos reincidentes.

      - Em Leiphein no dia 4 de Abril de 1525, 3.000 camponeses guiados por um ex-sacerdote que se tornara protestante tomaram a cidade, saquearam a Igreja, assassinaram católicos e fizeram sacrilegios no altar com a profanação dos sacramentos.

      - Um fato que totalmente parecia nunca ter ocorrido se não estivesse bem documentado foi o Saqueio de Roma, nem sequer os católicos sabem que este isto ocorreu. O que foi o Saqueio de Roma?

      Excluir
  3. E eu lhe digo que você é Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do Hades não poderão vencê-la. Eu lhe darei as chaves do Reino dos céus; o que você ligar na terra terá sido ligado nos céus, e o que você desligar na terra terá sido desligado nos céus”. Mateus 16:13-19

    ResponderExcluir
  4. Ao imbecil protestante acima
    Antes de vocês protestantes falarem um monte de besteiras sem fundamento, facilmente refutáveis, vão estudar a Bíblia melhor, primeiro porque se vocês tem uma é graças ao Santo “Católico” São Gerônimo que foi encarregado ao final do século IV pelo Papa S. Dâmaso para traduzir as antigas escrituras do hebraico e do grego para o latim, compondo assim “A Vulgata Latina”, aí no século XVI veio um apóstata e anti-cristo chamado Martinho Lutero que se rebelou contra a única igreja cristã fundada por Cristo através de Pedro quando Jesus diz em: Mt 16, 18-19 "Tú és Kepha e sobre essa Kepha edificarei a minha Igreja, e as portas do inferno nunca prevalecerão contra ela. Eu lhe darei as chaves do Reino do Céu, e o que você ligar na terra será ligado no céu, e o que desligares na terra, será desligado no céu." (primeiro Bispo de Roma, embora vocês neguem este fato arqueologicamente comprovado, pois suas ossadas foram encontradas em Roma, onde está até hoje graças a Deus em posse da Igreja Católica Apostólica Romana protegida e preservada de profanações) após 1518 anos de existência “a Católica” e passou a pregar doutrina herética, e pegando então a bíblia já pronta, a traduziu para o alemão em 1524 retirando sete livros por sua própria conveniência, desta bíblia que ele mesmo usava e professava (uma vez que era padre da igreja Católica), e que faziam parte do Cânon Bíblico, pois a exemplo dos Apóstolos que levaram o Evangelho ao Império Greco-romano, e utilizavam o Cânon Alexandrino, a Igreja primitiva adotou este cânon completo que contém 46 livros e não 39, conforme ao que está escrito em 2 Timóteo 3,16 – “Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça”, 2 Pedro 1,21 - “Porque jamais uma profecia foi proferida por efeito de uma vontade humana. Homens inspirados pelo Espírito Santo falaram da parte de Deus.” e portanto assim foram reconhecidos desde o Concílio de Nicéia (20 de maio de 325 - 19 de junho de 325) e não acrescentados no Concílio de Trento, conforme alegam os mentirosos protestantes, pois neste concílio que foi convocado para combater as bagunças e heresias implantadas por “Lutero” houve apenas a confirmação do Canôn Bíblico ou seja Cânon Alexandrino. Lutero ainda criou a chamada interpretação particular da Bíblia, dizendo que o Espírito Santo ilumina a todos e a cada um, contrariando mais uma vez as escrituras 2 Timóteo 4,3 – “Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências”. Resultado disto é esta divisão entre vocês protestantes, que se torna cada vez maior, pois perderam o centro, o eixo de tudo. E se vocês não sabem diabo do grego significa divisão (διαβολος [diabolos] (Adjetivo). Caluniador, Acusador, Adversário, O Divisor: Diabo.), e o que parece o encardido está frequentemente a agir no meio protestante, pois basta um pastor não concordar com outro, e já forma sua própria doutrina particular, isso é igreja ou vontade do encardido em dividir? Pois está escrito em 2 Pedro 1,20 - “Antes de tudo, sabei que nenhuma profecia da Escritura é de interpretação pessoal” e em 2 Pedro 3,16 - “Nelas há algumas passagens difíceis de entender, cujo sentido os espíritos ignorantes ou pouco fortalecidos deturpam, para a sua própria ruína, como fazem também com as demais escrituras”, e por isso a Santa Doutrina Católica se baseia na interpretação única e oficial do primado de Pedro “O Papa”, que inspirado pelo Espírito Santo guia desde os primórdios os cristãos católicos no entendimento da palavra de Deus. Portanto são os protestantes que, pretendendo separar Cristo de sua Igreja, a Palavra de Deus do seu Magistério, criam entre si falsos Cristos de doutrinas diversas e contraditórias Eclo 3,24 "Muitas são as opiniões dos homens, e as más imaginações levam ao engano".

    ResponderExcluir
  5. Ao imbecil protestante acima
    E quanto a principal besteira dos protestantes que usam contra os católicos para os desviar da verdadeira igreja, sobre o uso de imagens, estas já eram empregadas desde o Antigo Testamento, como nos mostra a Bíblia (cf. Ex 25, 17-20; 1Rs 6, 23-30; 7, 23-28s; Nm 21, 2-9; Sb 16, 5-7) portanto Deus não proibiu fazer imagens pelo contrário mandou fazê-las, o que ele proibiu foi fazer imagens de homem, de mulher ou de animais que representavam Deuses pagãos (os ídolos), o que era comum por exemplo nas religiões politeístas antigas como por exemplo a egípcia ou grega. Pois senão baseado nas doutrinas protestantes Deus seria controvérsio, ora manda fazer imagens, ora proíbe, claro que não, porque adoração é prostar-se diante da imagem de um falso Deus e adorá-lo, isso sim é idolatria, e as imagens dos Santos em hipótese nenhuma são consideradas Deuses por nós, ou até isso vocês querem atribuir a nós?
    E quanto ao argumento de que Jesus é o nosso único mediador entre Deus-Pai e os homens, é no sentido de único redentor absoluto (cf. Tm 2,5-6), aquele que se entregou e morreu na cruz em favor de nossos pecados, já profetizado em Is 53,12 – “Eis por que lhe darei parte com os grandes, e ele dividirá a presa com os poderosos: porque ele próprio deu sua vida, e deixou-se colocar entre os criminosos, tomando sobre si os pecados de muitos homens, e intercedendo pelos culpados.”, porque, sendo Deus-Filho, ele teve méritos infinitos, e sendo homem, assumiu nossas culpas e morreu por nós, apagando a culpa original.
    Quando a Sagrada Escritura ensina-nos que Nosso Senhor é o único caminho entre os homens e Deus, não quer dizer que entre os homens e Nosso Senhor não há intercessores, pelo contrário, os protestantes se esquecem que, mesmo sendo Deus e único redentor Jesus quis estabelecer intermediários entre ele e nós. Por exemplo, os Apóstolos, dizendo a eles: “Quem vos ouve, a Mim ouve”.

    ResponderExcluir
  6. Ao imbecil protestante acima
    Quanto a São Pedro, este foi o fundador junto com São Paulo da Igreja de Roma, conforme consta em documentos primitivos e portanto arqueologicamente comprovado, sendo-lhe concedido o título de Príncipe dos Apóstolos, portanto se existem seitas são todas protestantes que não foram fundadas por Cristo e sim séculos depois por homens tendenciosos e mentirosos como Lutero, pois a biblia alerta inclusive sobre a vinda de vocês os chamados falsos profetas, Mateus 24,11 “Igualmente hão de surgir muitos falsos profetas, e enganarão a muitos...”; Mateus 7,15 “Guardai-vos dos falsos profetas, que vêm a vós disfarçados em ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores.”; 1 João 4,1 “Amados, não creiais a todo espírito, mas provai se os espíritos vêm de Deus; porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo.”; E até o primeiro Papa como disse Pedro alertou em 2 Pedro 2,1 “Mas houve também entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá falsos mestres, os quais introduzirão encobertamente heresias destruidoras, negando até o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição.” E agora quem são os falsos profetas a Igreja de Cristo a Católica que existe desde o século-I Jo 10,16 "Haja um só rebanho e um só pastor" ou as profetizadas pelo próprio Pedro que vieram aos milhares pela divisão séculos depois, pois está escrito em Rm 16,17 “Recomendo-vos, irmãos, que tomeis cuidado com os que produzem divisões contra a doutrina que aprendestes. Afastai-vos deles". Eu respondo são todas que saíram e negaram a Santa Madre Igreja Católica a única do primeiro século, que tem como verdadeiro pastor São Pedro, Oséias 4,6 “porque meu povo se perde por falta de conhecimento; por teres rejeitado a instrução, excluir-te-ei de meu sacerdócio; já que esqueceste a lei de teu Deus, também eu me esquecerei dos teus filhos.”, por isso estão condenadas pelo príncipe da divisão e da mentira, a continuar se dividirem indefinidamente... Lc 11,17 –“Penetrando nos seus pensamentos, disse-lhes Jesus: Todo o reino dividido contra si mesmo será destruído e seus edifícios cairão uns sobre os outros.”

    Por isso parem de falar o que vocês não sabem, os protestantes só atacam os católicos porque sentem a necessidade de provar todo dia que estão certos porque na verdade já começaram errados.

    “Naquele dia os surdos ouvirão as palavras do livro, e dentre a escuridão e dentre as trevas os olhos dos cegos a verão” (Is 29,18).

    Cuidado a todos os Católicos mal informados!
    “ Um católico ignorante é um futuro protestante”

    “Heresias e outra doutrinas erradas surgem, quando não se entende direito o que a Bíblia está dizendo: Santo Agostinho”

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Peço a vossa senhoria que se prasa me responder, Que documento oficial roma nos mostra que ateste ser isso que dito a cima sobre São Pedro, é verdade?
      Mostre-me um um apenas. Pedro foi morto por roma crucificado de cabeça para baixo, em 67 d.c. fonte O livro dos Mártires(john fox.)

      Excluir
  7. =/ Que triste a fútil tentativa de argumentos, que só tem uma visão de vc Anonimo que começa falando "Ao imbecil protestante acima..."

    ResponderExcluir
  8. Deus através de seu filho jesus, é tão magnífico em misericórdia e sabedoria, que mesmo eu não conhecendo a bíblia tão bem me lembro de algumas partes que já li ou vi em filmes, como o caso se não estou enganado do bom samaritano, onde jesus disse este entrará comigo no reino dos seus, porque jesus é grandioso e conhece os coraçoes, e pesa o que cada um sente. Sou católico e creio em jesus como Deus que deu a vida por mim e por todos nós, e também amo maria, mulher sagrada do ventre bendito, erros todos nós temos, mas uma coisa é certa, deus ama a todos nós e quer que lutamos a cada dia mais para que nós nos livremos dos sentimentos e apegos deste mundo, Jesus é sinonimo de paz, humildade e misericordia, então seja catolicos ou crentes, se querem (tudo isto na minha opinião)alcançar o reino dos seus e chegar perto do pai devemos buscarmos a semelhança na vida que Jesus teve quando esteve aqui, assima de tudo foi um homem simples,dando valor as pequenas coisa do cotidiano que são no fundo as mais importantes e sagradas, e lembro ainda da parte que disse os olhos são a luz do corpo, então se tivermos boa vontade em compreender e não julgar e nos considerando melhores do que alguem, seremos mais abençoados e mais perto de DEUS. AVE MARIA CHEIA DE GRAÇA O SENHOR É CONVOSCO!!!! Um abraço a todos e rezem por mim irmãos!!!!

    ResponderExcluir
  9. Pessoal busquem orientação do Espirito Santo e sera tudo compriendido

    ResponderExcluir
  10. Anônimos que postam são não-pessoas, por opção.


    O Protestantismo e a Igreja Católica são instituições espúrias, tolas, vis. O Antigo testamento é um dos textos mais bárbaros já escritos. Eis uma passagem que ilustra o espírito do AT, que os cristãos insistem em preservar, em ambas as Igrejas. Trata-se de Eliseu, sucessor de Elias.


    Então subiu dali a Betel; e, subindo ele pelo caminho, uns meninos saíram da cidade, e zombavam dele, e diziam-lhe: Sobe, calvo; sobe, calvo!
    E, virando-se ele para trás, os viu, e os amaldiçoou no nome do SENHOR; então duas ursas saíram do bosque, e despedaçaram quarenta e dois daqueles meninos.
    2 Reis 2:23-24



    Bom, o rapaz de Realengo, Rio de Janeiro, que matou crianças num colégio, sofreu bullying na infância, e bullying pesado: foi jogado no lixo e teve sua cabeça mergulhada na privada várias vezes, dentre outras coisas. Morreu, e foi criminoso e suicida.


    Eliseu e Javé se mostram mais caprichosos, sádicos e mais suscetíveis do que este assassino nacional.

    Poderia colocar aqui mais de seiscentas passagens da "Bíblia" com teor equivalente, onde Javé/Jeová se comporta como um bebê tirânico, cheio de caprichos e exigências. Dráuzio Varella e Betinho são ateus e mais éticos.


    O Antigo Testamento e toda a história eclesiástica são uma vergonha, um vexame, uma afronta a qualquer noção de "bem" [bem com minúscula], o que dizer, então, do Bem ou da Graça.


    Agem, na prática, como braços de Mal na Terra. Mal com maiúscula.


    Algum anjo está rindo da ação eclesiástica. E há de ser um [ou muitos!] anjos caídos...


    Cidadãos sem-nome, covardes por escolha, minha crítica tem assinatura. E eu respondo por meus atos, aqui e agora e pela Eternidade.



    Valeu?!



    Que o verdadeiro Deus os ajude.

    ResponderExcluir
  11. a unica Doutrina que deveria ser a base de toda a religião é joa. 3.16, mas as pessoas preferem chamar outras de imbecis porque expressaram suas opinioes gerando o mesmo odio que matou milhares de pessoas no passado. fiquem atentos doutrina de igreja não salva ninguem o que leva realmente a pessoa a SALVAÇÃO é o amor de JESUS CRISTO independente do seu credo religioso.

    ResponderExcluir
  12. Miguel Serveto foi inicial mente condenado pela santa inquisição católica. Tendo fugido d prisão antes de ter sua pena executada, morte na mão do papa. Tendo chegado a genebra persistiu em negar a santa trindade, e foi diferente do que nesse site declarado, foi condenado pelo conselho de genebra, quer não tinha de nenhuma maneira João Calvino como seu mentor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cícero: João Calvino tinha o apelido de Papa de Genebra.

      Excluir
  13. A INQUISIÇÃO PROTESTANTE

    Outro ponto que nunca se é visto é que os Protestantes também tiveram uma Inquisição totalmente submetida ao poder político da Época. Os historiadores só tem dedos para acusar a Inquisição católica guardando um silêncio hipócrita sobre o acontecido nos territorios protestantes.

    Os primeiros protestantes não diferenciaram por ser os campeões da “liberdade de opinião” como nos tem feito crer… eles que clamavam por liberdade religiosa nos países católicos nos seus territórios a primeira medida que tomavam era a suspensão total da Missa e obrigar aos cidadãos por decreto de lei a assistir obrigatoriamente os cultos reformados, a destruição de Igrejas Católicas, de imágens junto a assassinato de bispos, Sacerdotes e religiosas marcaram estes territórios muito mais do que ocorria em sua contraparte católica. Para citar somente alguns exemplos (já que todas as fontes investigadas só falmn da Inquisição Católica e nenhuma da Protestante)

    - Lembra do massacre aos monjes da Abadia de São Bernardo de Bremen cujos monges foram assassinados, espancados, esfolados e jogado sal na carne viva sendo depois enforcados no campanário por uma multidão de protestantes desordeiros no século XVI.

    - O enforcamento de seis monges da ordem dos cartuxos e do bispo de Rochester na Inglaterra Protestante em 1535.

    - A queima na fogueira de milhares de católicos e anabatistas por Henrique VIII no século XVI sendo sua filha católica Maria que acabou herdando o título de “Maria a sanguinária”

    - A queima na fogueira de Miguel Servet, o descobridor da circulação do sangue, em Genebra pela ordem de Calvino, e só se falam do “caso Galileu” que não foi injustiçado e nem assassinado.

    -Quando Henrique VIII começou a perseguição católica na Irlanda existiam mais de 1.000 monges Dominicanos, dos quais somente DOIS sobreviveram a perseguição do rei protestante anglicano.

    - Na época da protestante Isabel cerca de 800 católicos eram assassinados por ano.

    - O historiador protestante Henrry Hallam diz : “A tortura e a execução dos Jesuitas no reinado de Isabel Tudor foi caracterizado pelo selvageria e preconceito”

    ResponderExcluir
  14. - Um ato do Parlamento Inglês decretou em 1652 que “ cada sacerdote católico deceria ser enforcado, decapitado, desmembrado e depois queimado e suas cabeças expostas em um poste de lugar público”

    - Na Alemanha Luterana os Anabatistas era cozidos em sacos e lançados em rios ( mais de 100.000 camponeses anabatistas foram assassinados de diversos modos pelos protestantes por pregarem sua interpretação da Biblia como exemplo o re-batismo e seu lider Tomaz Munzer foi decapitado por ordem de Lutero)

    - Na Escócia Presbiteriana de John Knox em um periodo de seis anos se queimaram mais de 1.000 mulheres acusadas de feitiçaria.

    - Nas cidades tomadas pelo Protestantismo, os católicos tinham que abandona-las deixando nelas todas suas posses ou se converter ao Protestantismo, se fossem descobertos celebrando a missa eram castigados com a morte.

    Afirmar que a tática da tortura foi uma arma católica da Inquisição é um mito. Janssen um escritor desta época cita um testemunho o qual diz “ o teólogo protestante Meyfart descreve a tortura que ele pessoalmente presenciou ... : Um espanhol e um Italiano foram os que sofreram esta bestialidade e brutalidade. Nos paises católicos não se condena um assassino, um incestuoso ou um adúltero a mais de uma hora de tortura, mas na Alemanha a tortura se mantêm por um dia inteiro e uma noite e até mesmo se extende por dois dias …..algumas vezes até por quatro dias e depois se começa de novo…é uma historia exata e horrível que não pude presenciar sem me estremecer”

    - O mesmo Janssen nos dá este dado “ em Augsburg no ano de 1528 cerca de 170 Anabatistas de ambos sexos foram colocados na prisão por ordem do ordem, muitos deles foram queimados vivos, outros foram marcados com ferros encandecentes na face ou suas línguas foram cortadas.

    - Em Aubsburg no dia 18 de Janeiro de 1537 o conselho municipal publicou um decreto onde se proibia o culto católico e dava-lhes 8 dias para que os católicos abandonassem a cidade, passado esse tempo foram enviados soldados para perseguir aos que não aceitaram a nova fé ; tomaram as Igrejas e monastérios, destruiram as estatuas e os altares. Frankfurt emitiu uma lei parecida e a suspensão total do culto católico se extendeu a todos os estados alemães e depois se taxa a Igreja Católica de intransigente!

    - Em 1530 nos seus comentários ao Salmo 80, Martinho Lutero aconselhava aos governos que aplicaram assim pena de morte a todos os hereges.

    - No distrito de Thorgau (Suiça) um missionário Zwingliano a frente de uma multidão protestante saqueou, massacrou e destruiu o monastério local. O mesmo Erasmo de Roterdã (historiador) se aterrorizou ao ver piedosos fiéis excitados por seus pregadores protestantes “ a sair da Igreja como possessos com a ira e a raiva pintadas no rosto, como guerreiros animados por um general” . O mesmo Eramo comenta em uma carta a Pirkheimer o seguinte “ Os ferreiros e obreiros arrancaram as pinturas das Igrejas e lançaram insultos a imágens dos santos e ate mesmo ao crucifixo o que é muito surpreendente. Não sobrou nenhuma estátua nas Igrejas nem nos monastérios... tudo o que podia arder foi jogado ao fogo e o resto reduzido a fragmentos, nada se salvou”

    - Na Zurich Protestante ordenou-se arrancar todas as imágens religiosas, reliquias e adornos das Igrejas e até o órgão foi desterrado, a catedral ficou desnuda como está até hoje. Os católicos foram impedidos de ocupar cargos públicos, assistir a Missa era castigado com uma multa na primeira vez e castidado com penas mas severas aos reincidentes.

    - Em Leiphein no dia 4 de Abril de 1525, 3.000 camponeses guiados por um ex-sacerdote que se tornara protestante tomaram a cidade, saquearam a Igreja, assassinaram católicos e fizeram sacrilegios no altar com a profanação dos sacramentos.

    - Um fato que totalmente parecia nunca ter ocorrido se não estivesse bem documentado foi o Saqueio de Roma, nem sequer os católicos sabem que este isto ocorreu. O que foi o Saqueio de Roma?

    ResponderExcluir
  15. Boa noite meus amados católicos e meus amados protestantes sou cristão (evangélico) De fato é triste saber que humanos (católicos/protestantes) no passado escreveram uma historia tão triste com muito sangue derramado. De quem é a culpa? "Proponho a paz" para os dois lados por meio do amor do Nosso Deus! Vamos nos perdoa, sei que não da para apagar o passado... Não sou melhor que ninguém por agir assim, mais sei que é o certo a se fazer."Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus. Amem!!! Me perdoem por tentar ajudar. No Amor Ágape Paz.

    ResponderExcluir